Pular para o conteúdo principal

Postagens

Mostrando postagens de Março 25, 2013

Edição 845 | Ano IV

São Paulo / SP
Índice quer medir felicidade do brasileiro
Assim como a inflação ou a expectativa de vida, diversos índices tentam mensurar a felicidade. Ela já foi traduzida em números, colocada em rankings globais e pesada em indicadores econômicos. Mas é possível calcular o bem estar do brasileiro? Essa é a resposta que o departamento de finanças da Fundação Getúlio Vargas (FGV) quer encontrar, junto com o Movimento Mais Feliz e a rede social MyFunCity, quando tiver concluído a metodologia do Índice de Bem Estar Brasil (Well Being Brazil, ou WBB, em inglês), com lançamento previsto para dezembro deste ano.
A intenção é que o WBB sirva de complemento, e não de substituto, a indicadores existentes, como PIB (Produto Interno Bruto) e IDH (Índice de Desenvolvimento Humano), como explica o professor da FGV-EAESP e um dos idealizadores do projeto, Fábio Gallo. É muito cedo, contudo, para entender a relação entre bem estar social e crescimento econômico. Por enquanto, há centenas de perguntas…