Pular para o conteúdo principal

Postagens

Mostrando postagens de Outubro, 2013

Edição 967 | Ano V

ESPECIAL da redação - São Paulo / SP
Estimativa da Receita é restituir apenas R$ 12 bilhões, cerce de 50% do que foi subtraído dos salários dos contribuintes A Secretaria da Receita Federal divulgou que a arrecadação do imposto de renda das pessoas físicas somou R$ 21 bilhões, entre janeiro e setembro de 2013. No ano passado, o total de IRPF arrecadado foi de mais de R$ 24 bilhões. Deste total, de acordo com estimativas do Fisco, o volume de restituições a ser pago em 2013 deve ser de cerca de R$ 12 bilhões. Ou seja, os contribuintes pessoa física conseguem restituir, na média, apenas metade do que foi subtraído dos seus salários no ano inteiro. Para Vicente Sevilha Junior, CEO da Sevilha Contabilidade (www.sevilha.com.br), franqueadora e prestadora de serviços de contabilidade e terceirização em finanças para empresas em todo o país, “o contribuinte ainda tem a chance, até 31 de dezembro, de tentar diminuir o tamanho da mordida do Leão. Ele pode tanto aumentar o valor da restituição em…

Edição 966 | Ano V

São Paulo / SP
Grandes bancos priorizam crédito menos arriscado As três maiores instituições financeiras privadas do País, donas de mais de 30% dos ativos totais do sistema, estão mais seletivas na concessão do crédito e registram crescimento em ritmo mais lento até agora do que em anos anteriores. As carteiras do Bradesco, Itaú Unibanco e Santander cresceram em média 6%, em nove meses até setembro, e 10,5% em doze meses. Os bancos têm focado principalmente em linhas como as de crédito consignado, em que o trabalhador penhora seu salário, e imobiliário, em que os imóveis são dados em garantias.
Para as grandes empresas, o crédito continua sendo ofertado, mas pequenas e médias tiveram redução de linhas em alguns bancos. Esse movimento reflete o movimento dos bancos privados em manter o retorno a seus acionistas apesar da queda dos spreads (os ganhos com a diferença entre as taxas de juros e as efetivamente cobradas no empréstimo). Eles estão usando o tripé de crédito mais seletivo, reduçã…