Pular para o conteúdo principal

Postagens

Mostrando postagens de Julho 13, 2012

Edição 732 | Ano IV

Brasília / DF
Governo estuda incentivo também para setor de autopeças


O governo estuda a concessão de benefícios tributários, como cortes no Imposto de Importação de máquinas e redução de custos de alfândega, para estimular os investimentos da indústria de partes e peças de automóveis. A avaliação é que não adianta cobrar que as montadoras passem a priorizar peças nacionais em suas linhas de produção, em troca de corte no IPI (Imposto sobre Produtos Industrializados) se não houver fornecedores de autopeças locais com produtos baratos e de qualidade. Segundo a Folha apurou, os estímulos podem ser anunciados na semana que vem, com o detalhamento do novo regime automotivo. O setor de autopeças foi um dos mais afetados pelo agravamento da crise internacional. Nos primeiros quatro meses de 2012, o faturamento real (descontada a inflação) teve queda de 12% em relação ao mesmo período de 2011. No mesmo período, o deficit na balança comercial do setor foi de US$ 1,85 bilhão, alta de 23% na comp…