Pular para o conteúdo principal

Postagens

Mostrando postagens de Maio 30, 2012

Edição 705 | Ano IV

São Paulo | SP
Fusões em análise podem cair 40% com novas regras

O Conselho Administrativo de Defesa Econômica (Cade) espera uma queda no número de casos de fusões e aquisições notificados ao órgão, com aprovação de novas regras que definem valores mínimos de faturamento de empresas para análise, disse nesta terça-feira seu presidente interino, Olavo Chinaglia. Com a portaria interministerial que está em análise pelo governo e que exige que uma das partes envolvidas tenha faturamento anual mínimo de R$ 750 milhões e a outra de R$ 75 milhões, o número de fusões notificadas por ano pode cair de 30% a 40%, segundo Chinaglia. Com a nova lei de concorrência que entra em vigor nesta terça-feira, já haverá um aumento do filtro, que permitirá uma queda de 20% a 30%, com a exigência de que uma da partes tenha receita anual de R$ 400 milhões e a outra de R$ 30 milhões. Chinaglia disse ainda que, pelas novas regras, 70% dos casos notificados ao Cade tramitarão pelo rito sumário. "Serão resolv…