Pular para o conteúdo principal

Postagens

Mostrando postagens de Agosto 10, 2011

Edição 536 | Ano IV

Brasília/DF e São Paulo/SP
Indicativos de desaceleração derrubam preço de commodities
Os preços das matérias-primas comercializadas em larga escala no mercado mundial estão em queda, diante dos sinais de desaceleração da economia mundial, mas os especialistas preferem aguardar antes de arriscar novas projeções em relação ao tamanho do impacto no saldo comercial do Brasil. A única certeza é a de que não haverá recuperação tão cedo e de que a inflação vai cair por conta dos preços mais baixos. "As variações até agora parecem movimentos espasmódicos que variam ao sabor da especulação", afirma o consultor Fábio Silveira, da RC Consultores. De acordo com o especialista, os preços começaram a "derreter" após a agência Standard & Poor’s rebaixar a nota de risco da dívida americana na última sexta-feira. "A queda foi pequena diante da dimensão da crise na Europa e nos EUA e das enormes dúvidas sobre o que pode acontecer com a demanda do mercado chinês", afirma…