Pular para o conteúdo principal

Postagens

Mostrando postagens de Maio 6, 2010

Edição 321 | Ano II

Brasília / DF
Governo vai repassar R$ 3,2 bilhões para Telebrás tocar banda larga
O Tesouro Nacional terá que capitalizar a Telebrás com R$ 3,22 bilhões entre 2010 e 2014 para que a estatal possa tocar o Plano Nacional de Banda Larga. Além disso, no mesmo período, o plano terá R$ 785 milhões em desonerações fiscais (Fust para pequenos provedores e Pis/Cofins para modens). O BNDES também irá disponiblizar linhas de crédito no valor de R$ 7,5 bilhões para financiar compra de equipamentos (R$ 6,5 bilhões) e financiar micro e pequenos prestadores, com lan houses (R$ 1 bilhão).
Enxuta - A ministra-chefe da Casa Civil, Erenice Guerra, confirmou que a Telebrás será reativada, mas informou que a empresa não será grande. "Será uma empresa enxuta. Não é para substituir ou limitar a iniciativa privada. Vamos usar a infraestrutra para estimular a iniciativa privada", disse a ministra. Ela disse ainda que a estatal irá atuar prioritariamente no atacado. O ministro Paulo Bernardo (Planejamen…